O filtro de ar é fundamental para o bom funcionamento de um veículo e todos os motoristas devem se certificar que o filtro está fazendo o seu trabalho adequadamente. Para quem não sabe, o filtro de ar funciona de uma forma relativamente simples e sua função consiste em, basicamente, impedir que partículas de poeira e sujeira do ar e do solo sejam sugadas para dentro do motor sem comprometer a entrada de ar; ou seja, o filtro de ar que funciona de forma eficiente deve garantir que o ar não encontre restrições para entrar no motor, mas esse ar deve ser limpo. Caso contrário, o motor pode ser seriamente danificado com a entrada de sujeira. Se, por outro lado, o ar encontra restrição, o motor perde potência e ainda consome mais combustível; o que, certamente, ninguém quer.
Se você não faz ideia de como funciona o filtro de ar do seu carro, é melhor começar a se informar imediatamente, especialmente se já rodou 10.000 km ou mais. O filtro de ar do carro é uma peça simples e barata, mas o seu uso indevido pode representar gastos que superam R$4.000,00 (quatro mil reais) e muitos dias no mecânico – resultado de um possível motor fundido. Embora os motoristas mais cuidadosos possam não acreditar que há pessoas que deixam o seu automóvel chegar a este ponto, esta realidade é muito mais comum do que se imagina, e oficinas do país inteiro têm que resolver este tipo de caso com frequência. Quem gosta de carro – e de economizar – sabe que os cuidados com o filtro são importantes não só para manter a mecânica do carro saudável, mas também para economizar combustível.
Atualmente, a polêmica a respeito dos filtros tem girado em torno da possível melhora de rendimento que seu veículo pode ter ao trocar o  filtro de ar de papel/algodão por um filtro especial de poliuretano. Os fabricantes afirmam categoricamente que há vantagem na troca, os mecânicos divergem de opinião e os usuários tendem a concordar com os fabricantes. Antes de nos aprofundarmos nesta discussão, há questões importantes a serem consideradas: os filtros de ar de papel são muito mais baratos do que os de poliuretano, porém devem ser trocados com maior frequência. Entre prós e contras, analise cuidadosamente qual deles proporciona mais vantagens.
Filtro de ar Inflow 
O filtro de espuma é um pouco mais caro do que os tradicionais e isso pode ser explicado por sua avançada tecnologia de filtragem e de passagem de ar. Devido à sua notável eficiência, explicaremos como funciona a tecnologia da espuma no interior do filtro. A espuma possui uma grande secção transversal, permitindo que a sujeira fique presa entre suas tramas. A abertura dos seus poros é relativamente maior do que vemos nos outros filtros, de modo que o ar entra facilmente no motor, garantindo uma mistura ideal de combustão. É interessante também mencionar que o fluxo de ar passa por aberturas aleatórias, não entrando diretamente no motor. Assim, à medida que o fluxo de ar corta diferentes "trajetos", a sujeira fica presa na espuma. Devido ao fato de conter muitas camadas de espuma, a garantia de que o ar será filtrado é muito maior e é a principal razão de este filtro ter um funcionamento tão notável.

 

 

 

Filtro de Ar de Papel 
É importante saber que há diferentes tipos de filtros de ar no mercado. Os mais comuns são os filtros de papel. Geralmente estes filtros são os que saem das concessionárias nos veículos. Sua troca tem um custo baixo, porém, apesar de este tipo de filtro fazer o que se propõe, não é o mais eficiente. Os filtros de papel oleado funcionam da mesma forma que os OEM. Eles apresentam uma filtragem melhor, mas restringem um pouco mais a entrada de ar. Os filtros de papel oleado são menos comuns, mas ainda usados em alguns veículos. Um outro exemplo é o filtro de gaze/algodão que é importado é um filtro lavavel e muito.
Este filtro é amplamente utilizado por prometer melhora de desempenho através da diminuição da restrição de ar. Por último e igualmente importante, devemos mencionar o filtro de espuma, que desempenha sua função de forma extremamente eficiente, tem pouca gente que conhece no mercado, apesar de ser um filtro com fabricação nacional.

 

 

 

 

OS FILTROS DE GAZE (OU ALGODÃO)

 

Os filtros de gaze são muito famosos e merecem esta fama devido ao fato de serem os pioneiros no mercado em termos de filtro de alta performance. Os filtros de gaze quando comparados aos filtros de papel apresentam dois importantes diferenciais: trama mais aberta, permitindo maior passagem de ar e oleada. O óleo é essencial no sentido de “segurar” as partículas de sujeira para impedir sua entrada no motor.
Abaixo, confira uma imagem da trama oleada para entender melhor como este filtro funciona.
O Fato deste filtro ser pregueado aumenta a eficiência de filtragem, mas apresenta um problema: a sujeira se acumula nos cantos, restringindo a passagem de ar e trazendo um desequilíbrio entre os fatores filtragem x fluxo de ar no motor. Desse modo, tal qual o filtro de papel, o filtro de gaze perde posição entre os mais eficientes. Para solucionar a questão, os fabricantes conseguiram tornar este filtro lavável, de modo que uma vez que se acumula sujeira e a restrição começa, você pode fazer uma limpeza e não precisa jogá-lo fora.

 

O óleo é importante nesse caso justamente pelo fato de a trama ser mais aberta, já que a sujeira que passaria no motor fica presa nele. 
Os filtros de gaze são também plissados para uma melhora de eficiência e sustentação do material, que é frágil. Desse modo, o filtro se vale de uma técnica semelhante ao filtro de papel, porém superior devido ao material e também do uso do óleo. 

 

 

 

 

 
Agora o filtro de Gaze (ou algodão), são como os de papel apenas de superficie, as dobras servem para aumentar a área de superfície filtrante, mas a sujeira comecam a entopir os pequenos buracos que o ar era pra fluir e assim tornando-se muito restritivo e o desempenho vai caindo  conforme o uso e assim como o de papel tem apenas uma décimo sexto de polegada de proteção. O filtro de algodão é lavavel e reutilizel. no entanto cada vez que você lava ele começa a degradar perdendo de 3 a 5% menos do material projetado para filtragem sendo assim 3 a 5% a menos em cada lavagem.
Para que um filtro de ar seja considerado eficiente, ele precisa dar conta de duas funções: filtrar o ar e permitir a sua passagem. Para que isso aconteça, os orifícios do filtro precisam estar suficientemente abertos (permitindo grande fluxo de ar para bom funcionamento do motor, que também pode ser conseguindo com uma maior quantidade de orifícios, em vez da abertura maior), mas tendo o cuidado de equilibrar esta abertura, de modo a impedir que partículas de sujeira e poeira entrem no motor, arranhando-o e causando o seu desgaste. Equilibrar estes dois fatores é um dos maiores desafios dos fabricantes de filtros.

 

 

 

 

Alguns Fabricantes de Filtro de Papel já estão usando uma camada de espuma para melhorar a eficiencia da filtragem e diminuir o intupimento.
A espuma é muito presente em nossas vidas e pode ser utilizada com sucesso para desempenhar diversas funções. Por ser um material resistente e ao mesmo tempo flexível, a espuma também desempenha a filtragem de ar com bastante sucesso.  O filtro de espuma consegue desempenhar sua função filtrante porque equilibra os dois fatores dos quais tínhamos falado no início do texto: impede a entrada de partículas de sujeira que danificam o motor, sem impedir que o ar entre. Tanto nos filtros de papel como nos de gaze o acúmulo de sujeira restringe a entrada do ar no motor, tornando necessário a troca (no caso do papel) ou a limpeza com uma frequência muito maior (no caso dos filtros de gaze/algodão). Embora a espuma consiga reter uma grande quantidade de sujeira, o filtro continua trabalhando ainda por muito tempo sem gerar desgaste do motor ou uma maior queima de combustível. Indiscutivelmente a espuma é a melhor escolha para qualquer caso, independente da quantidade de partículas de sujeira presentes no ambiente ou mesmo do uso do veículo.
 
 
Agora vamos falar sobre o de espuma de poliuretano, Filtro Inflow  ele oferece 97% mais fluxo de ar que o filtro de papel e devido sua extrutura de poliuretano especial como favo de mel e lubrificado assim como o de algodão em camadas é capaz de reter e armazenar muito mais sujeira do que qualquer outro no mercado e mesmo estando sujo permanece com baixa restrição a passagem de ar.